15/03/2017 01h07

Indústria de madeira avalia cenários nacional e internacional

Reunião plenária da Abimci vai avaliar cenários econômicos, comerciais e perspectivas do mercado externo e interno

Por: Abimci
 
Indústria madeireira do Paraná deve diminuir produção para evitar super oferta e queda no preço Indústria madeireira do Paraná deve diminuir produção para evitar super oferta e queda no preço

Com os últimos dados divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) que mostram oficialmente que o Brasil teve dois anos seguidos de recessão – a queda do PIB foi de 3,8% em 2015 e 3,6% em 2016 – o setor industrial madeireiro avalia as saídas para superar as dificuldades no mercado nacional. O PIB per capita, que divide o bolo econômico pelo número de habitantes, caiu 11% desde o final de 2014.

Na avaliação do presidente da Associação Brasileira da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente (Abimci), José Carlos Januário, será preciso ainda mais cautela por parte do setor produtivo. "Algumas empresas devem adotar a estratégia de reduzir a produção, para evitar uma super oferta de produtos no mercado internacional. A hora é de atenção e de ajuste nos custos", afirma.

Para debater e encontrar caminhos viáveis para os negócios neste setor, a Associação promove no dia 22 de março uma reunião plenária geral com os associados, em Curitiba (PR). Na pauta estarão temas macros e estratégicos para o segmento. "Como destaque, teremos a participação de representante comercial do governo norte-americano para nos falar sobre as perspectivas econômicas e políticas do governo Trump. Sendo os Estados Unidos o principal destino das exportações de nossos produtos madeireiros, é fundamental e estratégico ter acesso a informações e cenários do governo para as questões de política comercial e de economia", avalia Januário.

Já para análise do cenário interno, o gerente de Economia, Desenvolvimento e Fomento da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), Marcelo Percicotti, irá apresentar um panorama socioeconômico do setor, e o vice-presidente do Sinduscon-PR, Euclesio Manoel Finatti, vai falar sobre as perspectivas de recuperação e consumo da construção civil no Brasil. "A construção civil é o principal segmento de consumo de madeira no mercado interno, influenciando diretamente na demanda de praticamente todos os produtos madeireiros. Os números divulgados recentemente pelo IBGE nos deixam em alerta, mas acreditamos que será possível reverter este quadro a partir de novos investimentos em infraestrutura no país somados a outras medidas necessárias para a retomada do crescimento", completa o presidente.

Nova diretoria

No mesmo dia, a Abimci realiza a Assembleia Geral Ordinária para eleição e posse do Conselho de Administração e Conselho Fiscal da entidade para o próximo triênio. A primeira convocação será às 9h e a segunda, às 10h.

Serviço:

Data: 22/03

Local: Campus da Indústria - sala dos Conselhos, Av. Comendador Franco, 1341 - Curitiba (PR)

Eleição - 9h

Reunião plenária geral - das 11h às 15h

Envie seu Comentário


 
 

SOBRE O PAINEL FLORESTAL