25/07/2018

Valmet concorre ao "Prêmio Destaques do Setor da ABTCP" em três categorias

Votação está aberta ao público até o dia 31 de julho

Painel Florestal
 

A Valmet, líder mundial no desenvolvimento e fornecimento de tecnologias, automação e serviços para os setores de celulose, papel e energia, está concorrendo ao Prêmio Destaques do Setor da ABTCP (Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel), em três categorias: Automação, Celulose e Recuperação e Energia. A votação está aberta ao público até o final de julho, disponível no link https://premiodestaquesdosetor.com.br/home-votacao.

O "Prêmio Destaques do Setor da ABTCP" é um dos mais importantes da indústria de celulose e papel criada pela ABTCP para prestigiar e reconhecer os fabricantes e fornecedores mais respeitados pelos seus clientes no mercado. A entrega do prêmio pela ABTCP aos vencedores ocorre tradicionalmente no Jantar de confraternização anual que este ano acontecerá no dia 24 de outubro, no Transamérica Expo Center, em São Paulo.

Na categoria Automação, a companhia concorre com o Valmet IQ Leak Detection, sistema de monitoramento e detecção de vazamento de água de caldeira de recuperação, instalado, pela primeira vez no Brasil. Ele detecta vazamentos e alerta a operação para que haja tempo de executar as manobras necessárias, evitando explosões devido ao contato da água com smelt.

O software consegue identificar qual é o tipo de vazamento e onde está localizado, facilitando o plano de ação que deve ser tomado, dependendo do caso. O sistema conta ainda com recursos que evitam distúrbios de processo, como alarmes falsos devido a uma mudança rápida de produção, garantindo a confiança por parte da operação.

Na categoria Celulose, a Valmet participa com um projeto desenvolvido para a nova planta de branqueamento da Cenibra, em Ipatinga, Minas Gerais. A nova planta de branqueamento de quatro estágios (Dhot-EP-D1-P) levou 18 meses para entrar em operação e está preparada para capacidade futura de 1884 Adt por dia.

A nova linha é composta por quatro modernas prensas Valmet TwinRoll modelo TRPE-1540, substituindo a planta original, de 1977. A tecnologia de última fornecida pela Valmet faz parte do projeto da Cenibra para a modernização da linha de fibras, levando a fábrica aos menores níveis de consumo de produtos químicos, energia, água e geração de efluentes.

Na categoria Recuperação de Energia, a empresa concorre com sua caldeira de recuperação com maior eficiência energética em operação no mundo, fornecida para uma empresa especializada em bioprodutos e bioenergia, em Äänekoski, na Finlândia. Sua capacidade é de 7.200 toneladas de sólidos secos por dia.

Essa é a única caldeira de recuperação que não possui preparação para queima de combustíveis fósseis, já que nos queimadores de combustível auxiliar é utilizado tall oil (produto extraído do subproduto da fabricação de celulose de fibra longa composto de ácidos graxos e ácidos resinosos).

 
 

SOBRE O PAINEL FLORESTAL