06/10/2017

5 Tendências de Marketing para o Setor Florestal em 2018

Estamos vivendo em um mundo cada vez mais conectado e sem tempo, saturado de concorrência, um mundo em que sua empresa precisa criar fórmulas novas para se destacar

 
por Robson Trevisan, CEO do Painel Florestal, e especialista em marketing por Robson Trevisan, CEO do Painel Florestal, e especialista em marketing

Desde quando o Painel Florestal nasceu, em 2007, muita coisa mudou. Novas tecnologias e a velocidade com que as informações são compartilhadas em tempo real estabeleceram mudanças significativas no comportamento do consumidor.

Para acompanhar essas mudanças, o marketing também teve que se adaptar. Surgiram novos conceitos como "inbound marketing", "mídia programática", "remarketing", entre tantos outros.

Estamos vivendo em um mundo cada vez mais conectado e sem tempo, saturado de concorrência, um mundo em que sua empresa precisa criar fórmulas novas para se destacar.

"O consumidor de hoje tem menos tempo e atenção para dar à sua marca – e ele está cercado de alternativas a cada passo do caminho. Você precisa se destacar, ganhar sua atenção e transmitir a mensagem que ele deseja escutar", destaca Philip Kotler, no livro Marketing 4.0: Moving from Traditional to Digital.

Para isso, não basta anunciar nas redes sociais, ter sites bem construídos e investir em mídias tradicionais.

Com a estratégia certa, é possível realizar um trabalho muito mais assertivo, levando em conta, por exemplo, os clientes que geram melhor ROI, concentrando as ações no público que pode proporcionar melhores resultados.

Nesse sentido, é importante, atentar-se à algumas tendências do marketing digital para 2018 que se aplicam ao setor florestal:


1. Email Marketing Segmentado e Responsivo

As pessoas não aguentam mais receber tantos emails, mas ainda assim se inscrevem para recebê-los e contam com a sua caixa de entrada para ficarem atualizados sobre alguns assuntos e ofertas.

A dica? Repensar a estratégia de quantidade de emails para focar em qualidade.

Menos é mais, neste caso. Ao trocar 3 envios semanais por 1 diferenciado, o público agradece, fica na expectativa e você garante a leitura do seu conteúdo.

A personalização e segmentação das campanhas fará toda a diferença. Outra tendência muito forte para 2018 é a adaptação das peças publicitárias desenvolvidas para esse meio à realidade multitela e responsiva que vivemos nos dias de hoje.


2. Experiência Centrada no Cliente - Dialogue com seu Consumidor

A transformação digital tem efeitos marcantes sobre as tendências de marketing digital para 2018. O grande volume de informações disponíveis formou um novo tipo de consumidor, mais seletivo e sofisticado.

É por isso que hoje as empresas devem buscar um diálogo personalizado com seus prospects, entendendo suas dores e necessidades para oferecer soluções individualizadas.

É lógico que as tendências de marketing digital para 2018 não estão isoladas umas das outras. A experiência centrada no cliente está diretamente relacionada a análise de dados. Ora, tem jeito melhor de conhecer seu cliente do que com os dados que ele mesmo gera ao navegar na internet em busca de seus interesses e de respostas pra suas dúvidas?

Mesmo assim, maior parte das empresas ainda não conseguem chegar a um diálogo bilateral. Uma pesquisa realizada pela IBM mostrou que, apesar de 90% das empresas afirmarem terem preocupação em conversar diretamente com seus consumidores, 80% do público não se sente tocado pessoalmente pelas estratégias de marketing.

Um resultado impressionante que serve para reflexão: afinal, até onde nossas estratégias são baseadas em métodos e não em dados e evidências?


3. Mídias Sociais

Em 2018, o vídeo e as "lives" entram ainda mais em cena como favorito do público das redes sociais. Ele também está mais certo das suas preferências, e você tem que acompanhá-lo, seguindo as regras de cada mídia.

O bom conteúdo, aquele realmente planejado e desenvolvido para o seu público, será cada vez mais consumido em dispositivos móveis. Saia do padrão, ofereça conteúdos específicos em novos formatos, com relevância e frequência.

Teste seu público até chegar às suas preferências. Depois, continue testando.

Ah, e se você é daqueles que diz: "O meu cliente não acessa as redes sociais", ou então acha que nunca fará uma venda por esses canais, saiba que em 2017 só o Facebook atingiu 2 bilhões de usuários que são monitorados 24 horas por dia em cada clique, criando, praticamente, uma plataforma de segmentação mundial. No Brasil, 8 pessoas a cada 10, também estão no Facebook!


Acesse AGORA o Calendário de Eventos Florestais e Datas Comemorativas Florestais 2018!

Você também receberá no seu email 3 dicas para otimizar sua participação como expositor ou patrocinador de eventos florestais e obter o melhor retorno sobre o seu investimento


4. A Realidade dos 'Chatbots'

Chatbots começam a estar em todos os lugares. Também são chamados por outros nomes, como assistentes virtuais, agentes virtuais ou simplesmente bot.

Chatbot (uma abreviação para robô de chat) é um software que trabalha e gerencia as trocas de mensagens. Pode ser instalado em sites, apps proprietários e aplicativos populares, como o Facebook Messenger ou Telegram, dependendo do público-alvo e das necessidades das empresas.

Até 2020, 85% das interações dos consumidores será conduzida por um mecanismo automático (chatbot) e será a primeira opção para diferenciar uma empresa de seus competidores.


5. Marketing de Conteúdo

No começo o conteúdo era rei, mas o rei perdeu a majestade. Aos poucos era necessário criar um conteúdo diferenciado, o famoso conteúdo épico, melhor que todos os outros. Mas agora parece que todos os conteúdos querem ser épicos, então qual a próxima onda?

A verdade é que os usuários estão cansados de encontrar o mesmo conteúdo maquiado com palavras e gráficos diferentes, um atrás do outro. Talvez a próxima grande tendência seja o conteúdo denso, que é aquele que oferece uma grande quantidade de informação de maneira direta e objetiva – em outras palavras, mais eficiente.

O conteúdo denso também pode ser rico em tipos de conteúdo e formatos como webinários, textos, infográficos, vídeos e áudios. É a volta da multimídia, palavra que encantava o mundo na década de 90.

Concluindo: O marketing para 2018 é cada vez mais sobre pessoas, humanos, identidade, força. Ele vai sintonizar, criar forças, empatia e impactar cada vez mais e mais! ;-)


Acesse AGORA o Calendário de Eventos Florestais e Datas Comemorativas Florestais 2018!

Você também receberá no seu email 3 dicas para otimizar sua participação como expositor ou patrocinador de eventos florestais e obter o melhor retorno sobre o seu investimento


 
 

SOBRE O PAINEL FLORESTAL